quarta-feira, 22 de maio de 2013

Ato contra o leilão do petróleo repete fórmula derrotada no dia 14/05/13.




video



video



Apesar do bom número de pessoas, vendeu-se - no hotel onde se realizou o leilão - a pátria e não houve ocupação do local. Isto aconteceu em virtude de algumas entidades se posicionarem contra tal ação. A FIST (Frente Internacionalista dos sem-teto), a CSP Conlutas e o Sindipetro foram favoráveis mas, lamentavelmente, não houve consenso com demais participantes repetindo-se uma triste lenga-lenga de infindáveis falações. Além disso, a campanha muito errou em não fazer atos em feriados, atos nos bairros pobres e não conseguiu ligar os leilões a piora da qualidade de vida da população.